Páginas

A VIDA QUE DEUS ME DEU

Porque eu faço o que faço?
Nem eu mesmo sei dizer
Mas se eu não fizer o que faço
Como vou sobreviver?

Se fazendo o que eu faço
Já está difícil viver
Se eu não fizer o que faço
Então é melhor morrer

Faço tudo o que eu posso
Tentando fazer-me entender
E quando não faço o que posso
Querem logo me prender

Ando certo quando posso
Quando não posso erro o passo
E se não acerto o passo
Tropeço e lá vem o fracasso

Como ocupar meu espaço
Se não sei para onde vou
Perdido nesse compasso
Da solidão que ficou

Vencido pelo cansaço
Sigo a vida passo a passo
Depois de tantos embaraços
Vou em paz contando os passos

Pela estrada da saudade
Meus passos já não são meus
Mesmo assim sigo sorrindo
Com a vida que Deus me deu

P0119.2007.06
Copyright © 2007 by Magno R Almeida