Páginas

AH! SE EU FOSSE POETA

Eu queria escrever
um poema falando do amor
que um dia espero ter

Mas no universo
das minhas palavras
tropeço e não encontro
aquelas que possam traduzir
os mais lindos sonhos de amor
que ao teu lado quero ter

Recorro aos céus
e tento encontrar na imensidão
do infinito estrelado
a inspiração dos poetas
para falar deste amor
que eu tanto quero ter

Mas como não sou poeta
não consigo encontrar
palavras que possam rimar
com todos os meus sentimentos

Então,
perco-me nos meus momentos
e fico a pensar
o que vou escrever
para falar deste amor
que um dia espero ter

Enquanto isso...

Rabisco o papel,
acendo um cigarro
e continuo esperando...

O que?
O amor ou a inspiração?
É difícil responder!
Vamos ver o que vai acontecer...

P102.2007.06
Copyright © 2007 by Magno R Almeida
Continue Lendo... ››

ANGÚSTIA NOTURNA

 Noite angustiante.
As idéias somem do pensamento...
As letras somem do teclado...

A fumaça do cigarro
esvai-se mais depressa

A nicotina mistura-se
com o aroma do conhaque

O meu protetor de tela diz:
Vai dormir, maluco! São 2:09h!

Tento ser obediente,
mas a insônia não deixa...

Vejo minha alma crucificada
na cruz das incertezas
enquanto a solidão transita
esguia pelo ambiente
e paira sobre a minha cabeça
arrebatando o que resta
dos meus pensamentos

Assim,
as horas vão passando
no tic-tac cadenciado do relógio
nesta angústia noturna...

P0120.2007.07
Copyright © 2007 by Magno R Almeida
Continue Lendo... ››

DECIFRA-ME OUTRA VEZ

Eu nasci de uma lágrima...
Sou a essência de uma ausência
docemente sentida ou
fortemente sofrida.

Sou o elo partido
de uma paixão desvairada e
o vinho perdido
de um cálice trincado.

Eu sou a tempestade de areia
e o sol ardente do
impiedoso deserto da alma.

Eu sou a escuridão
das noites sombrias e o vazio que
ocupa os corações sofridos.

Eu sou as chamas
de um incêndio que devora e
vivo dos olhos nevoentos de quem chora.

Dizem que ao mundo vim para ser boa
e para dar do meu sangue a quem queira.

Eu sou a SAUDADE.
Tua eterna companheira,
que punge, consola e perdoa.

P0064.2007.01
Copyright © 2007 by Magno R Almeida
Continue Lendo... ››

CAROLINA - Machado de Assis

Carolina
Querida, ao pé do leito derradeiro
Em que descansas dessa longa vida,
Aqui venho e virei, pobre querida,
Trazer-te o coração do companheiro.

Pulsa-lhe aquele afeto verdadeiro
Que, a despeito de toda a humana lida,
Fez a nossa existência apetecida
E num recanto pôs o mundo inteiro.

Trago-te flores - restos arrancados
Da terra que nos viu passar unidos
E ora mortos nos deixa e separados.

Que eu, se tenho nos olhos malferidos
Pensamentos de vida formulados,
São pensamentos idos e vividos.


Continue Lendo... ››

PSICOLOGIA DE UM VENCIDO - Augusto dos Anjos

Eu, filho do carbono e do amoníaco,
Monstro de escuridão e rutilância,
Sofro, desde a epigênesis da infância,
A influência má dos signos do zodíaco.

Profundíssimamente hipocondríaco,
Este ambiente me causa repugnância...
Sobe-me à boca uma ânsia análoga à ânsia
Que se escapa da boca de um cardíaco.

Já o verme — este operário das ruínas —
Que o sangue podre das carnificinas
Come, e à vida em geral declara guerra,

Anda a espreitar meus olhos para roê-los,
E há-de deixar-me apenas os cabelos,
Na frialdade inorgânica da terra!


Continue Lendo... ››

Jogue fora suas Batatas

Um professor pediu aos alunos que levassem sacolas com batatas para sala de aula.

Solicitou que separassem uma batata para cada pessoa que os magoara ou que de alguma forma os fizera sofrer.

Pediu, também, que escrevessem o nome da pessoa na batata e a colocassem dentro da sacola.
Eles começaram a pensar, e foram lembrando uma a uma....
Algumas sacolas ficaram muito pesadas.

A tarefa seguinte consistia em, durante uma semana, carregar consigo a sacola com as batatas para onde quer que fossem.

Com o tempo as batatas foram deteriorando.
Era um incômodo carregar a sacola o tempo todo e ainda sentir seu mau cheiro.

Além disso, a preocupação em não esquecê-la em algum lugar fazia com que deixassem de prestar atenção em outras coisas que eram importantes para eles.

E foi assim que os alunos entenderam a lição de que carregar mágoas é tão ruim quanto carregar batatas.

Quando damos importância aos problemas não resolvidos ou às promessas não cumpridas, nossos pensamentos enchem-se de mágoa, aumentando o stress e roubando nossa alegria.

Perdoar e deixar estes sentimentos irem embora é a única forma de trazer de volta a paz e a calma.

Vamos lá jogue suas batatas fora e sorria.

Autor desconhecido
Continue Lendo... ››

O Dinheiro

Com dinheiro podemos comprar:

* uma cama, mas não os sonhos;
* livros, mas não cultura;
* comida, mas não apetite;
* adornos, mas não beleza;
* uma casa, mas não um lar;
* remédios, mas não saúde;
* luxos, mas não simpatia;
* diversões, mas não felicidade;
* um crucifixo, mas não um Salvador.
* uma igreja, mas não o paraíso;

Lembre-se:
tudo que o dinheiro não é capaz de comprar,
Deus nos dá de graça.

Desconheço o autor
Continue Lendo... ››

Cuidado com os Advogados

Um advogado andava em alta velocidade pela cidade com seu BMW quando foi parado pelo guarda de trânsito.

- O senhor estava além da velocidade permitida, por favor a sua habilitação.
- Está vencida.
- O documento do carro.
- Não tenho. O carro não é meu.
- O senhor por favor abra o porta luvas.
- Não posso, dentro dele tem um revólver que usei para roubar este carro.
- Abra o porta malas! - diz o guarda já um tanto irritado.
- Ficou louco, cara! Na mala está o corpo da dona deste carro, que eu matei no assalto.

O guarda vendo-se diante das circunstâncias resolve chamar seu superior.

Chegando ao local o superior dirige-se ao advogado:

- Habilitação e documento do carro por favor!
- Está aqui senhor, como vê o carro está no meu nome e a habilitação está regular.
- Abra o porta luvas!
- Pois não, senhor. Como vê, só tem alguns papéis.
- Abra o porta malas!
- Certo, aqui está... como vê está vazio.

Um tanto constrangido o Superior fala para o motorista:

- Deve estar acontecendo algum equívoco, o meu subordinado disse que o senhor não tinha habilitação, que o carro tinha sido roubado com um revólver que estava no porta luvas e que o corpo da vítima estava no porta malas.

- Meus Deus!!! Só falta agora esse sacana dizer que eu estava em alta velocidade!

Desconheço o autor.
Continue Lendo... ››

Alegria e Tristeza

Marido e mulher estavam dividindo uma garrafa de um bom vinho quando ele disse:

- Aposto como você não é capaz de dizer algo que me deixe alegre e triste ao mesmo tempo

A mulher respondeu, na bucha:

- Seu pênis é maior que o do compadre Antônio
Continue Lendo... ››

FOGÃO! O GLORIOSO!


O Botafogo é um time vencedor
Nossa torcida é fiel e apaixonada
Mesmo perdendo: "ninguém cala o nosso amor!"
Cantamos juntos sacudindo a arquibancada

A nossa Estrela Solitária abençoada
Faz nosso time lutar sempre com amor
O Botafogo é um time vencedor
Nossa torcida é fiel e apaixonada

Oh! Glorioso! Ninguém cala o nosso amor!
Teu hino é uma poesia declamada
Tuas vitórias conquistadas com louvor
Faz a torcida exclamar extasiada:
O Botafogo é um time vencedor!

P0167.2008.03
© Magno R Almeida
Continue Lendo... ››

A Parte Mais Importante do Corpo


Quando eu era muito jovem, minha mãe me perguntou qual era a parte
mais importante do corpo?
Eu achava que o som era muito importante para nós, seres humanos, então eu disse:

- Minhas orelhas, mãe.

-Não, disse ela. Muitas pessoas são surdas...

Mas continue pensando sobre este assunto.
Em outra oportunidade eu volto a lhe perguntar.
Algum tempo se passou até que minha mãe perguntou outra vez.
Eu havia pensado bastante e imaginava ter encontrado a resposta correta.
Assim, desta vez eu lhe disse:

- Mãe, a visão é muito importante para todos, então devem ser nossos olhos.

Ela me olhou e disse:

- Você está aprendendo rápido, mas a resposta ainda não está correta, porque
há muitas pessoas que são cegas...

Eu havia errado outra vez!
Continuei minha busca por conhecimento ao longo do tempo. Minha mãe voltou
ao assunto várias vezes, mas a cada resposta minha, ela retrucava:

- Não... Mas você está ficando mais esperta a cada ano.

Então, um dia, meu avô morreu.
Todos estavam tristes. Todos choravam.
Até mesmo meu pai, que eu nunca havia visto chorar.
Minha mãe olhou para mim quando fui dar o meu adeus ao vovô, e me perguntou:

- Você já sabe qual a parte do corpo mais importante?

Fiquei um tanto chocada por ela me fazer a pergunta justamente naquele momento.
Sempre achei que era apenas um jogo entre nos duas.

- Hoje é o dia em que você necessita aprender esta importante lição , disse ela.

Ela me olhou de um jeito que só uma mãe pode fazer e falou:

- Minha querida, a parte do corpo mais importante são seus ombros.

Intrigada, perguntei:

- Porque eles sustentam minha cabeça?

- Não, respondeu ela, é porque podem apoiar a cabeça de um amigo
ou de alguém amado quando eles choram.
Todos precisam de um ombro para chorar em algum momento de sua vida.
Naquela ocasião eu descobri qual a parte do corpo mais importante.
Descobri, também, a importância de ser " simpático " à dor dos outros.
Porque, naquela hora, quem precisou de um ombro fui eu.

- Eu espero que você tenha bastante amor e amigos, e que seus ombros
estejam sempre à disposição quando alguém precisar, disse minha mãe.

Sempre que recordo este fato, lembro da seguinte citação:

"As pessoas esquecerão do que você disse... esquecerão do que você fez...
mas as pessoas nunca esquecerão do que você as fez sentir."
"Os bons amigos são como estrelas...
Você nem sempre as vê, mas sabe que sempre estão lá".

"O homem de muitos amigos deve mostrar-se amigável,

mas há um amigo mais chegado do que um irmão."
Provérbios 18:24


Autor desconhecido
Continue Lendo... ››

Vovô nem está tão Velho

Uma tarde o neto conversava com seu avô sobre os acontecimentos e, de repente, perguntou:

- Quantos anos você tem, vovô?

E o avô respondeu:
- Bem, deixa-me pensar um pouco...
Nasci antes da televisão, das vacinas contra a pólio, comidas congeladas, foto copiadora, lentes de contacto
e pílula anticoncepcional.

Não existiam radares, cartões de crédito, raio laser nem patins on-line. Não se havia inventado ar condicionado, lavadora, secadoras (as roupas simplesmente secavam ao vento).

O homem nem havia chegado à lua, "gay" era uma palavra inglesa que significava uma pessoa contente,  alegre e divertida, não homossexual. Das lésbicas, nunca havíamos ouvido falar e rapazes não usavam piercings.Nasci antes do computador, duplas carreiras universitárias e terapias de grupo.

Até completar 25 anos, chamava cada homem de "senhor" e cada mulher de "senhora" ou "senhorita".

No meu tempo, virgindade não produzia câncer. Ensinaram-nos a diferenciar o bem do mal, a ser  responsáveis pelos nossos actos.

Acreditávamos que "comida rápida" era o que a gente comia quando estava com pressa e ter um bom relacionamento, era dar-se bem com os primos e amigos.

Tempo compartilhado, significava que a família compartilhava férias juntos. Não se conhecia telefones sem fio e muito menos celulares. Nunca havíamos ouvido falar de música estereofônica, rádios FM, fitas K-7, CDs, DVDs, máquinas de escrever eléctricas, calculadoras (nem as mecânicas quanto mais as portáteis).

"Notebook" era um livreto de anotações. Aos relógios se dava corda a cada dia. Não existia nada digital, nem relógios nem indicadores com números luminosos dos marcadores de jogos, nem as máquinas.

Falando em máquinas, não existiam cafeteiras automáticas, microondas nem rádio-relógios-despertadores.
Para não falar dos videocassetes, ou das filmadoras de vídeo. As fotos não eram instantâneas e nem coloridas. Havia somente em branco e preto e a revelação demorava mais de três dias. As de cores não existiam e quando apareceram, sua revelação era muito cara e demorada.

Se em algo lêssemos "Made in Japan", não se considerava de má qualidade e não existia "Made in Korea",
nem "Made in Taiwan", nem "Made in China". Não se havia ouvido falar de "Pizza Hut", "McDonald's", nem de café instantâneo.

Havia casas onde se comprava coisas por 5 e 10 centavos. Os sorvetes, as passagens de ônibus e os refrigerantes, tudo custava 10 centavos.

No meu tempo, meu neto, "erva" era algo que se cortava e não se fumava.

"Hardware" era uma ferramenta e "software" não existia. Fomos a última geração que acreditou que uma senhora precisavade um marido para ter um filho.

Agora me diga, meu neto querido, quantos anos você acha que eu tenho?

- Hiii... vovô.. mais de 200! Falou o neto.

- Não, querido, somente 58!

Autor desconhecido
Continue Lendo... ››

Bêbados & Cia

Difícil Escalada
Dois bêbados cambaleavam ao longo da linha do trem, aparentemente na mesma órbita:
- Pô, essa escadaria não acaba nunca!
- Isso não é nada. O que cansa é este corrimão baixo.
-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Porta Errada
O bêbado entra na igreja, agarra o sacristão pelo braço e grita:
- Me vê uma pinga!
- Aqui não vendemos pinga, senhor!
- Então, me dá um conhaque!
- Também não temos conhaque!
- Como não tem? Que raio de bar é esse?
- Isso aqui não é um bar, é uma igreja!
- Ah... Então me dá um São Raphael!
-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
O Batismo
Ritual de batismo. O pastor afunda a cabeça do fiel dentro de um tonel cheio d'água e pergunta:
- Você viu Jesus?
- Sim! responde o fiel.
- Aleluia, irmãos! gritam todos.
Chega o próximo.
- Você viu Jesus?
- Sim!
- Aleluia, irmãos!
O próximo da fila é um sujeito caindo de bêbado.
O pastor afunda a cabeça dele dentro do tonel e pergunta:
- Você viu Jesus?
- Não, senhor!
O pastor afunda novamente a cabeça dele.
- Você viu Jesus?
- Não, senhor!
Irritado, o pastor repete o ritual.
- Você viu Jesus?
E o bêbado:
- Tem certeza que ele caiu aí dentro?
-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Tapando o Nariz
O bêbado chegava todo dia no boteco, pedia uma pinga, tapava o nariz e tomava tudo num só gole.
Um dia, o balconista não se conteve:
- Escuta aqui, ô cara! Por que você tapa o nariz enquanto bebe?
E o bêbado:
- É que o cheiro da pinga me dá água na boca... e eu gosto dela é pura!
-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Putz!
Dois bêbados conversavam num boteco quando, a certa altura da madrugada, o primeiro propõe:
- Que tal irmos para um puteiro?
- Boa idéia responde o segundo e ao dar mais um passo em direção do companheiro, cai e se esborracha no chão.
Ao ver o lamentável estado do amigo, conclui que ele jamais terá forças para fazer sexo
com uma mulher e decide levá-lo para sua própria casa.
Ao bater à porta, são atendidos por uma mulher velha e mal-encarada.
- Que puta mais feia! comenta o segundo bêbado.
- Essa é a minha mãe! diz o primeiro, sem-graça.
- Aaaahh!!! Então eu vou comer só por consideração.
-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Afogando as Mágoas
- Por que é que você bebe?
- Para afogar as mágoas!
- E resolve?
- Que nada! Elas aprenderam a nadar!
-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
A Garrafa Quebrada
O bêbado ia subindo uma ladeira, firmemente agarrado à sua inseparável garrafa
de cachaça, quando tropeça e leva o maior tombo.
Refeito do susto, sente algo molhado debaixo da camisa:
- Ai, meu Deus! lamenta-se. Tomara que seja sangue!
-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
No médico
O médico para o paciente:
- Não consigo encontrar o motivo das suas dores, meu caro. Só pode ser por causa da bebida.
- Não tem importância, doutor! Eu volto outro dia que o senhor estiver sóbrio!
-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Velório de Bêbado
O Zeca morreu de tanto beber cachaça. Dois amigos, bêbados de cair, se encontram no velório:
- Puxa, você viu a cara do Zeca? Está com uma aparência horrível!
- Também pudera! diz o outro. Já faz dois dias que ele não bebe!
-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Continue Lendo... ››

DESENCANTO - Manuel Bandeira

Eu faço versos como quem chora
De desalento... de desencanto...
Fecha o meu livro, se por agora
Não tens motivo nenhum de pranto.

Meu verso é sangue. Volúpia ardente...
Tristeza esparsa... remorso vão...
Dói-me nas veias. Amargo e quente,
Cai, gota a gota, do coração.

E nestes versos de angústia rouca,
Assim dos lábios a vida corre,
Deixando um acre sabor na boca.
- Eu faço versos como quem morre.


Continue Lendo... ››

RECORDO AINDA - Mario Quintana

Recordo ainda...E nada mais me importa...
Aqueles dias de uma luz tão mansa
Que me deixavam, sempre de lembrança,
Algum brinquedo novo à minha porta...

Mas veio um vento de Desesperança
Soprando cinzas pela noite morta!
E eu pendurei na galharia torta
Todos os meus brinquedos de criança...

Estrada afora após segui... Mas ai,
Embora idade e senso eu aparente,
Não vos iluda o velho que aqui vai:


Eu quero meus brinquedos novamente!

Sou um pobre menino... acreditai...
Que envelheceu, um dia, de repente!...

Saiba mais sobre Mário Quintana
Continue Lendo... ››

Dificuldades

“A vida é como um labirinto, com muitas opções para seguir. No caminho diário podemos nos chocar contra as paredes quando as circunstâncias são difíceis, mas é preciso tomar uma atitude positiva e de desapego; nada conseguimos ficando angustiados, preocupados e nos torturando com os problemas...

Para qualquer dificuldade na vida existe uma razão, que escapa do nosso entendimento, naquele momento. Não podemos entender o porquê de tantas paredes no labirinto, a menos que nos elevemos e vejamos a situação completa.”

Desconheço o autor
Continue Lendo... ››

SAUDADE - Pablo Neruda

Saudade
Saudade é solidão acompanhada,
é quando o amor ainda não foi embora,
mas o amado já...

Saudade é amar um passado que ainda não passou,
é recusar um presente que nos machuca,
é não ver o futuro que nos convida...

Saudade é sentir que existe
o que não existe mais...

Saudade é o inferno 
dos que perderam,
é a dor dos que ficaram para trás,
é o gosto de morte na boca dos que continuam...

Só uma pessoa no mundo deseja sentir saudade:
aquela que nunca amou.

E esse é o maior dos sofrimentos:
não ter por quem sentir saudades,
passar pela vida e não viver.

O maior dos sofrimentos é nunca ter sofrido.

Continue Lendo... ››